Oração Pedindo A Proteção De Maria Santíssima

Considero, ó minha Mãe, as graças que me tendes obtido, e a ingratidão com que Vos correspondi

O ingrato é indigno de novos benefícios;; contudo  não perco por isso a esperança na vossa misericórdia

Poderosa advogada minha, tende compaixão  de mim. Vós sois a  dispensadora de todas as graças que a nós, concede Senhor;

E se ele Vos  fez tão poderosa, rica e boa, é papara que nos socorrais.

Quero salvar-me. Entrego nas vossas mãos minha salvação eterna, confio-Vos o cuidado da minha alma.

Quero ser inscrito no número dos vossos servos mais dedicados; não me rejeiteis. Andais à cata dos desgraçados para os socorrer;

Não abandoneis então um pobre pecador que a Vós recorre.

Falai em meu favor: o Vosso Filho faz tudo o que Vós Lhe pedis.

 

Tornai-me sob vossa proteção: basta-me isto; porque, se me protegeis, não temo coisa alguma:

Não temo os meus pecados, porque me obtereis o perdão deles, assim o espero;

Não temo os demônios, porque sois mais poderosa do que todo o inferno;

Não temo enfim nem ao próprio Jesus, o meu soberano Juiz, porque basta uma oração vossa para aplacá-lo.

Protegei-me pois, ó minha Mãe, e alcançai-me o perdão dos meus pecados,

O amor de Jesus, a santa perseverança, uma boa morte e finalmente o paraíso.

Verdade é que não mereço estas graças; mas se as pedis para mim ao Senhor, ser-me-ão  concedidas.

Rogai pois, a Jesus por mim.

Ó Maria, minha Rainha, em Vós confio, nesta esperança vivo, nela repouso, com ela desejo morrer.

Amém!